5 erros mais comuns na gestão financeira de pequenas e médias empresas

Como desenvolver um planejamento financeiro que vai fazer sua empresa decolar
29 de março de 2019
BPO Financeiro: entenda como a terceirização pode ajudar as PMEs
29 de abril de 2019

Uma gestão financeira de sucesso é um grande desafio, desde as pequenas até as maiores empresas. Afinal de contas, sem o controle do fluxo de entrada e saída do dinheiro, é mais fácil se perder e cometer erros na administração do negócio. 

Para evitar que a sua empresa cometa esses erros e corra o risco de fracassar, é preciso manter-se atento. Quer saber quais são os erros mais comuns na gestão financeira de uma empresa? Continue a leitura desse artigo e descubra. 

1) Não entender as margens de vendas dos serviços ou produtos 

Precificar os serviços e produtos oferecidos não é lá tarefa das mais fáceis de se fazer. É essencial saber quanto custa cada serviço ou produto e qual a margem de lucro esperada. As pequenas e médias empresas (PME’s) precisam ter compreensão completa de suas margens de vendas. Para garantir que sua receita cubra não apenas os custos das mercadorias, mas também as despesas gerais e financeiras. Esse conhecimento ajudará a corrigir possíveis problemas de preços, posicionamento e escala além de fazer uma grande diferença na saúde financeira da sua empresa. 

2) Não gerenciar o fluxo de caixa

O erro mais comum de todos é não ter um gerenciamento do caixa no dia a dia. E isso é um grande problema, independentemente do tamanho da empresa, pois não ter controle do que está sendo pago e recebido torna o negócio vulnerável.  Conhecer e controlar corretamente esses dados permite que o gestor reconheça os desafios e as oportunidades, fazendo a empresa crescer de forma saudável 

3) Não dispor de um software de gestão  

Um hábito comum entre os gestores brasileiros, principalmente os que estão à frente de pequenas e médias empresas, não registrar as operações pode comprometer o controle das ações. Um bom sistema financeiro ou de gestão é essencial para manter a base de dados de gerenciamento das finanças sempre atualizada. Existem atualmente bons recursos tecnológicos de gestão com ótimo custo benefício.

4) Não ter informações contábeis no tempo certo e de forma confiável

Para entender se estamos no caminho certo, é preciso analisar. E para isso, ter informações em um balanço patrimonial e demonstrativo de resultados notempo certo é indispensável. Claro que uma boa gestão fiscal e estar em dia com o Fisco é uma obrigação, mas hoje em dia seja qual for o segmento, é por meio do balanço e demonstrativos de resultados que se identifica com clareza, o crescimento ou recuo do negócio bem como as ações que poderão ser tomadas para correção de rota.

5) Não ter planejamento financeiro de curto, médio e longo prazo

 Administrar um negócio já não é uma tarefa fácil mas não saber para onde está caminhando torna essa jornada bem mais dura. Um bom planejamento financeiro, operacional e tributário é uma das ferramentas mais poderosas que uma empresa tem a sua disposição quando se olha para o futuro. Um orçamento bem feito pode ajudá-lo não apenas na tomada de decisão, mas também pode fornecer informações úteis sobre como a empresa está se movendo para atingir suas metas e objetivos, além de monitorar o desempenho durante o ano. Com ele você poderá limitar gastos, garantir empréstimos, atrair novos parceiros e investidores. Uma verdadeira bússola.

Agora que você entendeu os principais erros na gestão financeira de uma empresa e como evitá-los, ainda sente que precisa de ajuda para manter a organização das finanças da sua empresa? Clique aqui e fale direto com os profissionais da Inflow Consultoria. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CARREIRAS
WhatsApp Olá, tire suas dúvidas por aqui!